Arquivo da categoria: Uncategorized

O Amor

amor-1.jpg

 

O amor é um sentimento tão bonito, e por muitas vezes tão confuso.
Amor é algo tão bonito, é difícil entende-lo. Não existe uma regara a qual você possa seguir, simplesmente é algo que acontece e você não se da conta de como se envolveu ou como aconteceu.
Ele pode ser comparado a diversas coisas;
Pode ser a flor mais bela, que cresce a cada regar de água, de carinho, mesmo assim em algum momento alguém arranca essa flor de nós e a leva embora.
Amor é esconde, esconde, mas você nunca procura, é ele que sempre te acha.
É como um rio de águas cristalinas, que purifica a alma e nos renova o ser.
Mas basta um mergulho no escuro e nos afogamo-nos em nosso próprio sentimento.
É como o nascer do sol que chega lindo e radiante, mas depois de tudo vem à escuridão e apaga o brilho que existia.
Realmente o amor é complicado, podia ser mais delicado, mas não seria Amor.
Amor é simplesmente amar, todo mundo ama, alguns amam aos outros, outros amam a si só e alguns conseguem amar tudo e a todos e sabe por quê? Porque o amor é assim.

Tomas Monteiro

Por que algumas empresas perdem seus melhores colaboradores — e outras não

Um tal de Steve Jobs disse uma vez que “o que acontece na maioria das companhias é que você não mantém as ótimas pessoas em ambientes de trabalho onde a realização individual é desencorajada ao invés de encorajada. As ótimas pessoas saem e você acaba com a mediocridade”. Pois então, neste artigo dou minha visão a respeito do porquê de isso acontecer.

Esses dias eu estava conversando com um amigo que está no processo de perder um de seus melhores funcionários para um concorrente maior e mais conhecido. Ele não estava feliz com isso, mas apoiou a decisão do seu colaborador que, adorava trabalhar na empresa, mas a oportunidade era muito boa para ser rejeitada.

Se alguém deixa sua empresa numa situação como esta, de crescimento profissional por parte do colaborador, ok. É a lei natural do mercado. Você inevitavelmente perderá bons funcionários por isso.

No entanto, este não é o maior motivo pelo qual as pessoas estão deixando as empresas. Provavelmente você conhece mais de uma pessoa em seu círculo social que está insatisfeita com o trabalho. Os motivos são variados. Da remuneração ao chefe sem noção, passando pela falta de reconhecimento e terminando em reuniões desnecessárias que terminam com tapinhas nas costas. E, claro, há o grupo dos empreendedores. Aqueles que largam tudo e arriscam abrir seu próprio negócio.

A questão é: se todos louvam o ambiente de trabalho de corporações como Google e Facebook, por que as empresas continuam perdendo funcionários pela má gestão de pessoas? Você não precisa ter uma sala de jogos e patinetes para se locomover de um setor para outro, mas penso que estas quatro pequenas ações abaixo vão te ajudar a não perder seus melhores colaboradores. Acredite, tapinhas nas costas e pão e circo não estão na lista. As pessoas querem se sentir parte do negócio.

Inclusão

Os colaboradores (especialmente os acima da média) gostam de sentir que são parte integrante do sucesso da empresa.

Existem duas boas maneiras de fazer isso:

  1. Deixe as pessoas saberem o que está acontecendo e o porquê de estar acontecendo;
  2. Dê liberdade e influência para tomadas de decisão.

Então, em primeiro lugar, seja honesto. Nada de sussurros pelo corredor. Isso gera um clima de incerteza. É uma sensação horrível descobrir notícias ruins da sua empresa através de um jornal. Certifique-se de informar seus funcionários tanto das coisas boas quanto das ruins. Aquele papo de “na alegria e na tristeza”.

Em segundo lugar, inclua os colaboradores nos processos de tomada de decisão sempre que puder. Nunca — nunca mesmo — tome uma decisão importante de forma unilateral. Peça a opinião de seus melhores colaboradores. Faça-os se sentirem parte do negócio. Lembre-se que seus subordinados são seus colegas. O sucesso deles é o seu, e vice e versa.

Apoio

Tenho um conhecido que diz ter tido no máximo cinco conversas com seu chefe este ano (estamos em maio). Três pelo telefone. A mensagem parece ser clara: faça seu trabalho e não me incomode. Obviamente, ele está procurando outro emprego.

Apoiar seus colaboradores e mostrar satisfação com seus sucessos é uma maneira de mantê-los motivados. Forneça os recursos necessários para que eles se desenvolvam da melhor maneira possível. Perceba quais são suas maiores habilidades e invista nelas. Encontre maneiras de ajudá-los a crescer.

“As pessoas criativas, que são as que cuidam com paixão, têm que convencer cinco níveis de administração de que o que elas sabem é o que realmente é a coisa certa a fazer”. Steve Jobs

Ofertas de trabalho

Pessoas acima da média gostam de desafios. Se você perceber que seu colaborador pode ir além, não o deixe muito tempo fazendo as mesmas coisas. Isso o irá desmotivar — e muito. Seja claro quanto ao plano de carreira da sua empresa — por favor, me diga que ela tem um — e incentive seus funcionários a buscarem a evolução constante.

Reconhecimento

Esqueça os tapinhas nas costas. A maioria das pessoas quer ser reconhecida por suas contribuições, ideias e trabalho duro. É muito simples deixar aqueles que trabalham com você cientes que você reconhece seus esforços e resultados. Envie um email inesperado mostrando sua gratidão, tenha uma conversa informal na hora de pegar um café. Você não precisa necessariamente se trancar numa sala e dizer isso pra ele.

“Meu modelo de negócio são os Beatles. Eles equilibravam um ao outro, e o total era maior do que a soma das partes. É como eu vejo os negócios: grandes coisas em termos de negócios nunca são feitas por uma pessoa. São feitas por uma equipe de pessoas”. Stebe Jobs

Você pode ter notado que todas as quatro dicas requerem uma boa gestão e liderança, além de uma cultura empresarial que inclui honestidade e clareza. Então, se sua empresa não se encaixa nessa descrição, comece do começo.

Créditos : http://www.administradores.com.br/

Matheus de Souza

 

Nada como o tempo…

NADA COMO O TEMPO

Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela. E em segundo lugar pensar em você.

Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o “alguém” da sua vida e nunca vai ser, o que tiver que ser será e pronto.

Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você e quando se descobre isso irá ver que valeu a pena.

Como dizem: O segredo é não correr atrás das borboletas… é cuidar do jardim para que elas venham até você.

No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!

Tomas Monteiro

11816842_824177684365790_6069298180701303269_n

25 lugares em que você precisa fazer cocô antes de morrer

1. Este lugar mágico na Universidade da Califórnia, em Santa Bárbara:

Este lugar mágico na Universidade da Califórnia, em Santa Bárbara:

2. O Hotel Clarion em Malmö, Suécia:

O Hotel Clarion em Malmö, Suécia:

3. Este trono glorioso no Peru:

Este trono glorioso no Peru:

4. Este local de tirar o fôlego no Laos:

Este local de tirar o fôlego no Laos:

5. O Shard, em Londres:

O Shard, em Londres:

6. Este banheiro de inverno em Midway, Utah:

Este banheiro de inverno em Midway, Utah:

7. A Torre JR em Sapporo, Japão:

A Torre JR em Sapporo, Japão:

8. A bela vinícola Beau Constantia:

A bela vinícola Beau Constantia:

9. Este lugar em Queensland, Austrália:

Este lugar em Queensland, Austrália:

10. Contemplando do alto do Saint Mary Peak, em Montana:

Contemplando do alto do Saint Mary Peak, em Montana:

11. Este local de pousos e (principalmente) desembarques na África do Sul:

Este local de pousos e (principalmente) desembarques na África do Sul:

12. Este enorme banheiro na Tasmânia:

Este enorme banheiro na Tasmânia:

13. No topo do mundo, na República Democrática do Congo:

No topo do mundo, na República Democrática do Congo:

14. Literalmente no topo do vulcão Haleakala, no Havaí:

Literalmente no topo do vulcão Haleakala, no Havaí:

15. Soltando um em Wringapeak, Reino Unido

Soltando um em Wringapeak, Reino Unido

16. Vista sobre a água em Big Sur, Califórnia:

Vista sobre a água em Big Sur, Califórnia:

17. Martha’s Creek, no Canadá:

Martha's Creek, no Canadá:

18. Só relaxando em Pigeon Spire, Canadá:

Só relaxando em Pigeon Spire, Canadá:

19. Precariamente equilibrado em uma montanha no Colorado:

Precariamente equilibrado em uma montanha no Colorado:

20. Acima do precipício, na Áustria:

Acima do precipício, na Áustria:

21. Olhando à distância, no Zimbábue:

Olhando à distância, no Zimbábue:

22. Nas montanhas da Eslováquia:

Nas montanhas da Eslováquia:

23. No meio do deserto em Monarch Lakes, Califórnia:

No meio do deserto em Monarch Lakes, Califórnia:

24. Isolado no lago da neve, em Washington:

Isolado no lago da neve, em Washington:

25. Ou com a companhia de um amigo:

Ou com a companhia de um amigo:

Fonte: Internet

Lugares surreais que existem de verdade

Se você gosta de contos de fadas ou de filmes como «O senhor dos Anéis» e tem vontade de sair da rotina, o Incrível.club, recomenda que vá a um destes lugares fantásticos. Que tal aproveitar as férias para conhecer um deles?

Castelo de Neuschwanstein, Alemanha

Este castelo romântico inspira nada menos que o Castelo da Disney (Castelo da Cinderela). Construído pelo rei Luís II, da Baviera, em 1888, serviu de inspiração para Tchaikovsky produzir «O lago dos cisnes».

Caverna dos vaga-lumes, Nova Zelândia

A principal característica desta caverna são os milhares de exemplares de uma espécie de vaga-lume vive apenas na Nova Zelândia, cobrindo a cúpula do local. Andar nesta caverna é uma experiência única.

Colmar, França

Um dos lugares mais encantadores na França, com bairros perfeitamente preservados. Sua aparência lembra a da cidade do filme «A Bela e a Fera». Embora seja uma cidade relativamente pequena, possui três teatros, uma sala de concertos para música contemporânea chamado Le Grillen, 4 bibliotecas, centro de arte moderna e cinco museus, incluindo o Unterlinden, conhecido internacionalmente.

Cavernas Batu, Malásia

Esta catedral na Malásia é visitada por milhares de fiéis. Batu é um dos santuários hindus mais renomados fora do território da Índia. As cavernas foram formadas há cerca de 400 milhões de anos. É neste local que fica a estátua do deus Murugan, o segundo filho de Shiva.

Catedral de San Basilio, Rússia

A catedral ortodoxa que fica na Praça Vermelha, em Moscou, é, para muitos, um símbolo da Rússia. Foi construída por ordem de Ivan, o Terrível, em comemoração à conquista de Kazan, oitava maior cidade do país e capital da região do Tartaristão.

Tunel de glicínias, Japão

Um verdadeiro céu florescido que fica na cidade japonesa de Kitakyushu. Milhões de flores em tons de branco, azul, lilás, violeta e azul flutuam sobre sua cabeça num cenário mágico.

Monasterio «Ninho do Tigre», Butão

Na borda de um penhasco a 3.120 metros de altitude (mais alto que qualquer montanha existente no Brasil, por exemplo), ergue-se este mosteiro impressionante. Diz a lenda que Guru Padmasambhava voou até aqui do Tibete atrás de sua esposa, que tinha se tornado um tigre. Para chegar até aqui você precisa para caminhar ao longo de uma trilha na montanha aberta ao público há 100 anos.

Caverna dos cristais, Mexico

Localizado a 300 metros abaixo da cidade de Naica, a caverna de cristal é única por seus grandes cristais translúcidos que crescem até 11 metros de altura. A entrada de turistas não é permitida devido à sensibilidade dos cristais, assim como à temperatura (48 ° C), umidade elevada e concentração de sulfureto de hidrogênio no ar.

Complexo de templos Angkor Wat, Cambodja

O maior templo jamais criado e cuja história se estende por mais de 9 séculos. Este complexo de templos hindus é dedicado à deusa Vishnu. O povo local acreditava que deuses viviam em Angkor Wat e, portanto, o acesso à parte central da catedral esteve disponível apenas para alguns eleitos por muito tempo.

Salto Angel, Venezuela

Simplesmente a maior cachoeira do mundo, com uma queda de quase um quilômetro de altura. É 20 vezes mais alta que as famosas cataratas do Niágara. Chegar ao Salto Angel, no entanto, é para poucos: esta maravilha fica em meio à floresta tropical e não há estradas de asfalto para alcançá-la.

Cidade de Petra, Jordânia

«A Cidade Rosa do deserto da Jordânia é tão antiga quanto o próprio tempo», dizem. Este, sem dúvida, é o principal local de turismo na Jordânia. Petra é a antiga capital do reino de Nabatean e sua existência remonta a mais de dois mil anos atrás.

Rochas coloridas Danks Zhangye, China.

Estas montanhas surpreendentes na província de Gansu são o sonho de qualquer fotógrafo. As cores variadas surgem das areias vermelhas e de conglomerados produzidos durante o período Cretáceo.

Ilha do Monte Saint-Michel, França

Espanta pela sua aparência, pitoresca em todos os sentidos. É uma pequena ilha rochosa, convertida em fortaleza. No pico, a 80 metros, erguem-se as paredes de uma antiga abadia. Victor Hugo ficou tão impressionado com o Mont Saint-Michel, que o chamou de ‘pirâmide no oceano’.

Pamukkale, Turquia

Pamukkale está sobre a falésia do rio Menderes, 200 metros acima do nível do mar. Inúmeras cachoeiras e piscinas naturais de calcário branco azulado ligadas umas às outras formam um cenário difícil de descrever por tamanha beleza.

Viaduto Glenfinnan, Escócia

Provavelmente o viaduto mais famoso do mundo, por ali passa o famoso Expresso de Hogwarts, de Harry Potter.

Enseada de Ha Long Bay, Vietnam

Imagine que mais de 3 mil ilhas brotam diretamente das águas cor de esmeralda do Golfo Tonkiyskogo. Em vietnamita a palavra Halong significa «onde o dragão afundou.» Diz a lenda que as ilhas da baía foram criadas por um grande dragão que vivia nas montanhas.

Igreja de Las Lajas, Colômbia

A Colômbia é um país fascinante. Esta catedral, no Interior do país, não só se destaca por sua fantástica arquitetura neogótica, mas também por sua localização. Ela foi construída numa ponte, que, por sua vez, está sobre um desfiladeiro de 2.600 metros.

Praia da ilha de Vaadhu, Maldivas

Uma praia especialmente bonita à noite. O plâncton que chega à areia inunda a costa com milhares de luzes. O brilho se deve ao fenômeno da bioluminescência, um processo químico no corpo do plâncton em que a energia é liberada como luz.

Sintra, Portugal

Povoado português com uma rica história. Ao seu redor, florestas antigas, castelos, palácios e mosteiros incríveis dão, ao visitante, a sensação de viajar no tempo.

Castelo de Peles, Romênia

Um dos lugares mais pitorescos da Europa, foi construído nas montanhas pelo rei Carlos I, da Romênia, como residência de verão. Sua decoração interna é, sem dúvida, digna de um rei.

Parque florestal nacional de Zhangjiajie

Você se lembra das montanhas misteriosas no filme Avatar, de James Cameron? Bem, elas ficam aqui. Dizem que o diretor se inpirou neste lugar para criar a natureza ficcional do mundo do cinema.

Taj Mahal, Índia

Orgulho e símbolo da Índia. Se você conhece a música de Jorge Benjor, já deve ter ouvido que este templo simboliza o amor de Shah Jahan por sua esposa Mumtaz Mahal, morta após dar à luz seu décimo quarto filho.

Dark Alley, Irlanda

As árvores deste caminho foram plantadas pela família Stewart, no século XVIII. Existem várias histórias assustadoras sobre o lugar. Um dos mais famosos é o de ‘Lady Grey’, o fantasma de uma menina que morreu em circunstâncias misteriosas numa casa perto da estrada.

Versalhes, Francia

Esse palácio símbolo da França foi residência de vários monarcas do país europeu. Sua construção se deve, dizem, à inveja que o rei Luís XIV sentia do castelo de seu ministro das Finanças Vaux-le-Vicomte. O monarca queria superá-lo em vários aspectos. Neste, pelo menos, conseguiu.

Campos de tulipa no vale de Skagit, Estados Unidos

As cores brilhantes de milhões de tulipas fazem deste vale um lugar único, que recebe milhares de turistas em abril para desfrutar de uma festa de cores.

Caminho de baobás, Madagascar

Baobás de 800 anos crescem em ambos lados de uma estrada de terra e são o último vestígio dos enormes bosques tropicais que cobriam grande parte de Madagascar. Se você já leu «O pequeno príncipe», deve ter ouvido falar destas árvores magníficas.

Fonte: internet

Tomas Monteiro

09 Exercícios clássicos de musculação que te vão deixar com um condicionamento físico ótimo alem de queimar gorduras.

Eu trabalho com uma infinidade de clientes — de atletas de elite a pessoas com rotinas “normais” de treino. Você poderia imaginar que uso instruções e dicas diferentes para diferentes níveis de condicionamento físico, mas a verdade é que descobri que a maioria das pessoas responde às instruções da mesma maneira, independentemente da habilidade de cada um.

Estas dicas irão ajudar a melhorar cada repetição para que você atinja a sua melhor forma. (Imagem: Thinkstock)

(Transforme o seu corpo com o The Anarchy Workout. Um homem perdeu 8 quilos de gordura em apenas 6 semanas!)

Vamos usar o agachamento como exemplo. Estas são as duas instruções que costumamos ouvir:

Um: Contraia seus glúteos.
Dois: Quebre uma noz entre seus glúteos.

Com os meus clientes, a segunda opção é sempre melhor.

É uma dica externa, que desvia a sua atenção do seu corpo e a direciona a um objetivo (quebrar a noz).

A primeira instrução, por outro lado, é uma dica interna, com foco em uma parte do corpo e em como ela se move ou funciona.

Treinadores utilizam tanto dicas internas quanto externas, mas eu vejo que as 9 dicas externas que irei compartilhar a seguir funcionam como mágica para os meus clientes. Eu dou a instrução e eles corrigem a forma e a postura imediatamente. Elas também funcionam muito melhor do que “Ei! Pare de fazer isso!”

Aplique-as aos seus próprios treinos para executar os exercícios com uma técnica impecável e obter mais ganhos.

(Foto de Beth Bischoff)

Levantamento Terra
“Esprema uma laranja com cada axila até fazer um suco.”

Por que funciona: Você vai ativar o músculo grande dorsal — o maior músculo das costas — para que ele possa ajudá-lo a fazer o levantamento.

Manter esta contração ao longo de todo o exercício também previne que a parte superior das suas costas fique arredondada. E isso é muito importante, já que quanto mais estável estiver a sua coluna, mais peso você será capaz de levantar.

(Foto de Beth Bischoff)

Levantamento Stiff

“Crie a maior distância possível entre a sua cabeça e os glúteos.”

Por que funciona: A curva perfeita do quadril é fundamental para este levantamento. Entretanto, para muitos homens, é um dos movimentos mais difíceis de executar.

Se você se concentrar em empurrar a sua cabeça e seus glúteos para longe um do outro enquanto abaixa o peso, seus quadris precisam se curvar ao máximo. Isso envolve completamente as suas panturrilhas e glúteos no movimento, para que você possa levantar e abaixar a barra de forma ótima.

(Foto de Beth Bischoff)

Agachamento
“Aponte a fivela do seu cinto para o seu queixo.”

Por que funciona: Inclinar a pélvis para trás coloca a sua coluna em uma posição neutra. Isso não apenas reduz o estresse na parte inferior das costas e diminui o risco de lesões, mas também promove uma maior estabilidade.

(Foto de Beth Bischoff)

Agachamento com um Pé Elevado
“Quebre o concreto com o seu calcanhar.”

Por que funciona: Você vai notar que o seu peso se inclina para frente, na direção dos seus dedos, conforme você levanta e abaixa a barra. Isso pode fazer com que o seu calcanhar saia do chão, causando muito estresse no joelho e ativando os quadríceps em vez dos glúteos, além de reduzir a sua força.

Pressionar o calcanhar contra o chão ajuda a manter o pé plano durante o exercício.

(Foto de Beth Bischoff)

Flexão
“Empurre a parte superior das costas para o teto ao final do movimento.”

Por que funciona: Isso não apenas trabalha seu peito, mas também envolve seu músculo serrátil anterior, um pequeno mas importante músculo que ajuda a mover as suas escápulas.

Se você negligencia o serrátil anterior, ele se torna fraco. Isso faz com que você tenha uma maior chance de lesão na articulação do ombro.

Além disso, também atrapalha a sua postura, inclinando os ombros para frente e para baixo. Você quer parecer um “corcunda”?

(Foto de Mitch Mandel)

Exercício usando o Kettlebell
“Jogue o kettlebell para trás com a maior força possível.”

Por que funciona: Você vai ganhar ímpeto já no primeiro movimento. Você não consegue fazer isso se estiver em pé simplesmente segurando o kettlebell com os braços estendidos.

Como fazer: Posicione o kettlebell a cerca de 30 centímetros do seu corpo e incline-se para pegá-lo. Seus braços ficarão estendidos à sua frente. Incline a alça na sua direção, tentando quebrá-la ao meio com as suas mãos.

 Agora, “jogue” o peso para trás de forma explosiva, passando por entre as suas pernas. Quando seus braços encontrarem a parte superior interna das suas coxas, jogue o quadril para a frente enquanto deixa o peso balançar até a altura do peito.

(Foto de Beth Bischoff)

Barra Fixa
“Coloque as escápulas no seu bolso traseiro.”

Por que funciona: Isso impede que o trapézio faça todo o trabalho. Em vez disso, garante que você inicie o movimento com os músculos das escápulas.

(Foto de Thomas MacDonald)

Desenvolvimento com Barra
“Prepare-se para levar um soco no estômago.“

Por que funciona: A maioria dos homens inclina demais suas costas quando seus braços ficam estendidos. Isso não apenas prejudica a sua força, mas também aumenta o risco de lesões se houver uma carga envolvida.

Preparar o estômago para um soco, força-o a contrair o abdômen — e muito. O abdômen contraído mantém a pélvis alinhada e ajuda a manter um arco neutro nas costas durante todo o exercício.

Men’s Health
Por Tony Gentilcore

Tomas Monteiro

Ensaio de 1983 mostra Carrie Fisher, a Princesa Leia, se divertindo na praia para divulgar ‘Star Wars’

Para divulgar o filme Star Wars: O Retorno do Jedi, episódio que encerra a primeira trilogia em 1983, a atriz Carrie Fisher, intérprete da inesquecível Princesa Leia, posou para a Rolling Stone em um ensaio fotográfico.

Fisher usa nas fotografias o icônico (e hoje controverso) traje de escrava da personagem. No filme, Leia é capturada pelo alienígena Jabba, o Hutt, espécie de “gângster intergaláctico”, durante uma missão com a Aliança Rebelde. Ela estrangula Jabba com a corrente usada para mantê-la presa.

“Em O Retorno do Jedi, ela se torna mais feminina, mais solidária, mais afetuosa”, disse a atriz, na entrevista à RS.

“Mas não vamos nos esquecer de que esses filmes são fantasias de meninos, basicamente. Então o outro modo de fazê-la mais mulher, seria tirando as roupas dela.”

Abaixo, o ensaio da edição histórica da revista:         

Fonte: Internet / Yahoo

Tomas Monteiro

Dez rooftops para curtir o clima de verão em São Paulo

Saiba onde aproveitar o calor na capital paulista em bares e restaurantes com vistas que valem a visita

Nada como espaços abertos para curtir o verão. Do alto então, melhor ainda. Com boa comida e bebidas na conta, a temporada se torna a mais desejada do ano.

Confira dez lugares aproveitar o clima de calor com vistas excepcionais – ou, simplesmente, com uma boa brisa nas alturas:

Sacada

Sacada (Foto: Divulgação)SACADA (FOTO: DIVULGAÇÃO)

O pôr do sol visto a partir do Sacada rivaliza com aquele proporcionado apenas por cidades litorâneas. A casa, localizada no simpático bairro da Lapa, é comandada pelo Coletivo 1714 e conta com programação engajada e alternativa, um misto de festa com atrações multimeios. A agenda permanece uma incógnita para o grande público, mas os organizadores prometem um site em 2016 para divulgar atrações.
R. Aurélia, 1.714, Lapa. 

Skye Bar 

Skye (Foto: Divulgação)SKYE (FOTO: DIVULGAÇÃO)

No topo do Hotel Unique, o Skye é um bar e restaurante onde tudo – da vista aos frequentadores – chama a atenção, com a área à beira da piscina sempre bem disputada. A iluminação baixa, mesmo durante a noite, deixa o clima de lounge intimista e a vista sem barreiras do espaço (para o skyline da avenida Paulista), ainda mais deslumbrante.
Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 4700, Hotel Unique, Jardim Paulista
Tel.: (11) 3055 4700

Alto da Harmonia

Alto da Harmonia (Foto: Divulgação)ALTO DA HARMONIA (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Sofás e mesas compõem o confortável terceiro piso do Alto da Harmonia, bar e restaurante na Vila Madalena com uma das vistas mais fantásticas da cidade. Não por acaso, o rooftop coberto conta até mesmo com uma luneta para prestar ainda mais atenção nos detalhes da cidade, sem o prejuízo das barreiras criadas pelos prédios.
Rua Harmonia, 271, Vila Madalena.
Tel.: (11) 2528 1241

The View

The View (Foto: Divulgação)THE VIEW (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Logo de cara, o The View entrega o que esperar: o bar e restaurante, no 30º andar do hotel Transamérica International, conta com uma das vistas mais deslumbrantes e amplas da cidade. Ainda que o salão principal ofereça mesas e sofás confortáveis, à noite, a varanda ao ar livre é digna da paisagem reluzente da capital paulista e perfeita para bons drinks e petiscos.
Alameda Santos, 981 (30º andar), Cerqueira César.
Tel.: (11) 3266 3692

Balsa

Balsa (Foto: Divulgação)BALSA (FOTO: DIVULGAÇÃO)

O Balsa está localizado em um dos espaços mais tradicionais da capital paulista, noVale do Anhangabaú, mas o conceito do espaço é moderno: festas e eventos regados a boa bebida e boa música apenas para convidados e pessoas que adquirem ingresso antecipado pela internet. Sem horário de funcionamento fixo, os responsáveis pelo projeto divulgam a agenda da casa – que assume sentido literal – no Facebook.
Rua Cap. Salomão, 26, Centro.

Quintana

Quintana (Foto: Divulgação)QUINTANA (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Afastado das zonas mais badaladas da cidade, o Quintana deixa aberto o terraço para quem quiser aproveitar o verão em meio à horta do bar e restaurante. A vista do rooftop está longe de ser excepcional, mas o clima interiorano proporcionado pela rusticidade das cadeiras e bancos antigos tornam o espaço ponto para um drink sem compromisso.
Rua Olavo Bilac, 77, Vila Sofia.
Tel.: (11) 2129 6570

Parigi Bistrot

Parigi Bistrot (Foto: Divulgação)PARIGI BISTROT (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Localizado no Shopping Cidade Jardim, o Parigi Bistrot conta com área externa reduzida, mas com vista deslumbrante dos modernos edifiícios que correm junto ao rio Pinheiros. O espaço, ao contrário do salão principal, não aceita reservas, então chegue cedo para garantir lugar.
Avenida Magalhães de Castro, 12000 (Shopping Cidade Jardim – 4º Piso), Morumbi.
Tel.: (11) 3198 9440

Sushibol – Audi Lounge 

Sushibol Audi Lounge (Foto: Divulgação)SUSHIBOL AUDI LOUNGE (FOTO: DIVULGAÇÃO)

O frescor dos peixes e frutos do mar encontram companhia no ambiente arejado do rooftop do Audi Lounge, onde está localizado o Sushibol. A unidade do restaurante na rua Oscar Freire aproveita todo o glamour do espaço da montadora alemã para apresentar pratos leves da culinária japonesa e oriental, uma pedida certa para o verão.
Rua Oscar Freire, 565, Jardins.
Tel.: (11) 2737 5030

Mimo

Mimo Restaurante (Foto: Divulgação)MIMO RESTAURANTE (FOTO: DIVULGAÇÃO)

A cozinha contemporânea do Mimo abre as portas de seu terraço apenas para eventos especiais – alguns deles promovidos pelo próprio restaurante, como workshops e cursos. O clima ganha intimidade e ares naturais graças à pequena horta do estabelecimento, que dividem espaço com as mesas da área.
Rua Caconde, 118, Jardins.
Tel.: (11) 3052 2517

Rooftop 5

Rooftop 5 (Foto: Divulgação)ROOFTOP 5 (FOTO: DIVULGAÇÃO)

O nome já entrega: o Rooftop 5 está nas alturas. Instalado no mesmo edifício do Instituto Tohmie Ohtake, o espaço é reservado apenas para eventos. Portanto, fique ligado: ao receber um convite, saibia que, pelo menos no quesito ‘vista’, a festa promete ser boa.
R. Coropés, 88, Pinheiros.

Como organizar a sua cozinha

 

Quem não gosta de uma cozinha toda organizada, pratica? Além de ser mais aconchegante ao receber os amigos, uma cozinha organizada e limpa sempre será bem vinda.

766b19712d35413910e763dae0c208d1

Quando a nossa cozinha está desorganizada não dá nem vontade de cozinhar, não é mesmo? Organizar o espaço além de dar um ânimo, torna tudo muito mais prático e evita até o desperdício de alimentos
Para que isso seja possível, aproveitar cada cantinho é o essencial. Então, confira as dicas de organização que separamos!
Instale algumas prateleiras
Instale algumas prateleiras
Se você tem algumas paredes vazias e falta espaço no armário para guardar as coisas, instale prateleiras. Além de muito mais baratas do que armários, ela podem dar um charme na cozinha.
Compre um carrinho de cozinha
Compre um carrinho de cozinha
Um carrinho com rodas é muito prático e uma ótima opção para guardar coisas que você usa bastante no dia a dia. Sem contar que sempre tem um espacinho ali na sua cozinha para um desses.
Divida as coisas em categorias
Divida as coisas em categorias
Divida a louça em categorias quando for guardar no armário. Separe travessas, potes, canecas, pratos, entre outros.
Use ganchos
Use ganchos
Use barras de inox com ganchos e porta-facas imantados para pendurar talheres e demais utensílios.
Gavetas com divisórias
Gavetas com divisórias
Nas gavetas, coloque os talheres separadamente nas divisórias. Facas maiores devem ser dispostas nas laterais, preferencialmente com divisórias.
Arrume a bancada
Arrume a bancada
Na bancada, coloque apenas os itens que você usa com mais frequência. Assim sua vida na cozinha fica muito mais fácil!
Separe os mantimentos
Separe os mantimentos
Separe eles em três categorias: refeições, café da manhã e lanches rápidos. Itens abertos, como bolachas e torradas, devem ficar em potes fechados.
Louças
Louças
Coloque as louças usadas com maior frequência em locais de fácil acesso. E guarde os itens que você não utiliza tanto nas prateleiras mais baixas ou mais altas.
Assadeiras e panelas
Assadeiras e panelas
Coloque as assadeiras e as panelas umas dentro das outras, partindo sempre da maior para a menor.
Escorredor de pratos
Escorredor de pratos
Escolha o escorredor de pratos de acordo com as proporções da pia. Pendurar ele na parede é uma ótima ideia, assim você ganha ainda mais espaço.
Tomas Monteiro

Pular corda pode te ajudar a eliminar mais peso do que você imagina

Se você acha que pular corda é coisa só para criança, está enganado! Além de ser uma das atividades aeróbicas mais completas, ela ajuda a emagrecer e queimar muitas calorias.

Só para você ter uma ideia, 30 minutos de treino podem eliminar até 400 calorias. Isso significa que se você praticar 30 minutos diários durante 15 dias, poderá perder aproximadamente 4 kg.

Vale lembrar a atividade exige um esforço corporal bem maior, tanto é que ela queima mais energia do que caminhar, pedalar ou correr.

Mas por isso mesmo você também deve começar a pular corda aos poucos. Comece praticando por 10 minutos e depois que ganhar mais ritmo e habilidade, pode fazer durante 30 minutos, 02 ou 03 vezes por semana.

#saudeebemestar

Fonte: Yahoo